Resenha: O Guardião Invisível | Dolores Redondo

abril 24, 2017 / Rosane Santos /

Acompanhe a corrida da investigadora Amaia Salazar para descobrir o culpado pelos assassinatos em Elizondo


Resenha O Guardião Invisível, O Guardião Invisível Dolores Redondo, Filme Guardião Invisível

Narrado em terceira pessoa, o primeiro livro da trilogia Baztán acompanha as investigações de uma série de assassinatos cometidos em uma cidade chamada Elizondo, esses crimes têm em comum o fato de serem praticados contra garotas que estão entrando na fase da puberdade/adolescência e em cada cena do crime é montado todo um clima que busca representar a pureza que essas garotas deveriam ter.

Resenha O Guardião Invisível, O Guardião Invisível Dolores Redondo, Filme Guardião Invisível

A investigadora Amaia Salazar é colocada como chefe das investigações e precisa voltar a sua terra natal, um lugar do qual ela procurou se manter o mais distante possível, fugindo dos fantasmas do seu passado, que mesmo distantes insistem em lhe atormentar. Amaia é uma mulher forte, inteligente e muito boa no seu trabalho, porém além das dificuldades relacionadas ao próprio andamento das investigações ela ainda precisa lidar com o machismo dos seus colegas de trabalho, que não acreditam muito em sua capacidade de investigação.

Resenha O Guardião Invisível, O Guardião Invisível Dolores Redondo, Filme Guardião Invisível

O Guardião Invisível traz em sua trama uma mistura de investigação policial com elementos da mitologia basco-navarra, então a narrativa tem essa peculiaridade de misturar a realidade com a fantasia: o que de fato é real e o que é fruto de uma crença? A autora soube trabalhar bem esses elementos, contando bastante sobre as crenças desse povoado, como isso faz parte da vida daquelas pessoas e mostrando o quanto a própria protagonista, uma pessoa extremamente racional e científica, vai de encontro a essas crenças, se recusando a acreditar em tais relatos e como isso vai influenciar em suas investigações.

“Um basajaun é uma criatura, uma espécie de homem de uns dois metros e meio de altura, com costas largas, longa cabeleira e bastante pelo por todo o corpo. Vive nos bosques, dos quais faz parte e nos quais atua como entidade protetora. Segundo as lendas, ele cuida para que o equilíbrio do bosque se mantenha intacto. E, embora não se mostre muito, costuma ser amistoso com os humanos.” Pág. 103


Arte: Basajaun - patxitoillustrator

O livro apresenta ainda um pouco da relação de Amaia com as irmãs, intercalando algumas passagens de sua infância e sua conturbada relação com a mãe, trazendo alguns relatos aterrorizantes. Uma das personagens que mais odiei na narrativa foi a irmã mais velha de Amaia, Flora é uma mulher insuportável, que se acha a dona da verdade e quer passar por cima de todos e no final do livro tive mais raiva ainda dela.

A narrativa se desenvolve bem, envolvente, a autora escreve de forma que te prende,querendo descobrir logo o que está acontecendo. Entretanto, senti um excesso descritivo, algumas passagens ali eram muito desnecessárias e acabaram tornando a leitura mais lenta em alguns momentos.

Resenha O Guardião Invisível, O Guardião Invisível Dolores Redondo, Filme Guardião Invisível

As cenas dos crimes foram bem escritas, sem poupar os detalhes mais violentos e a investigação conseguiu seguir de forma que tudo ficasse bem encaixado. A autora apresenta ainda muitas informações técnicas de como são realizadas as investigações criminais, fazendo uma critica de como as séries norte-americanas acabam passando uma imagem errônea em relação a esse tipo de trabalho.

O final do livro foi satisfatório, confesso que não estava esperando aquele desfecho então a autora conseguiu surpreender, além de deixar uma boa expectativa para a continuação da série. É uma leitura instigante e também gostei bastante de conhecer um pouco mais sobre a mitologia basco-navarra, é o primeiro livro que leio que traz essa temática.

Resenha O Guardião Invisível, O Guardião Invisível Dolores Redondo, Filme Guardião Invisível

A adaptação cinematográfica foi confirmada para o ano de 2017. O filme é dirigido por Fernando González Molina e eu não consegui encontrar muitas informações sobre ele, mas encontrei o trailer em espanhol:

O Guardião Invisível (El guardián invisible)
Volume 01, Trilogia Baztán
Autora: Dolores Redondo
Editora: Planeta
Ano: 207
Skoob: 3,8 Estrelas / Goodreads: 3,7 Estrelas
Compre Aqui
03 Estrelas
O corpo de uma adolescente é encontrado às margens do rio Baztán, num pequeno povoado em Navarra, na Espanha, e para desvendar o caso a investigadora Amaia Salazar precisa voltar à sua terra natal, uma região da qual sempre tentou escapar – por motivos que nem seu marido conhece, mas que ainda a atormentam na forma de pesadelos. Amaia sabe que o local, marcado pela inquisição espanhola, é cheio de velhas crenças pagãs. O que ela não imagina é que, com o avanço da investigação e a descoberta de novos corpos, a fronteira entre mitologia e a realidade ficará cada vez mais tênue. O desafio agora é descobrir se os crimes resultam da ação de um serial killer ou de uma criatura mítica conhecida como basajaun, “O Guardião Invisível”.
Autora: Dolores Redondo nasceu em 1969 em San Sebastián, no País Basco (Espanha), e é a autora da Trilogia Baztán, um dos fenômenos literários mais importantes dos últimos anos em língua espanhola, atualmente publicado em mais de trinta países. Em 2016, venceu o Prêmio Planeta com o romance Todo esto te daré.

Recomendado Para Você

0 comentários

Comente com o Facebook

Instagram