Resenha: Cemitérios De Dragões - Raphael Draccon

setembro 01, 2015 / Everton Assis /

Cemitérios de Dragões
Legado Ranger - Livro 01
Escritor: Raphael Draccon
Editora: Rocco
Ano: 2014
Em diferentes pontos do planeta Terra, cinco pessoas com histórias e origens completamente distintas desaparecem por motivos variados e acordam numa outra realidade. Em meio a guerras envolvendo demônios, dragões, homens-leão, seres fantásticos e metal vivo, os cinco precisam compreender os motivos de estarem ali e combater um mal que talvez não possa ser impedido. Este é o mote de Cemitérios de dragões, o novo romance de Raphael Draccon, que marca a estreia do selo Fantástica. No livro, o autor de Dragões de Éter apresenta uma versão moderna e adulta de um universo inspirado por séries queridas por toda uma geração como Jaspion, Changeman, Flashman, Black Kamen Rider e Power Rangers.

Escritor: Raphael Draccon é um dos escritores mais influentes no mercado literário brasileiro e já conquistou uma legião de leitores dentro e fora do pais. algumas de suas obras já foram publicadas em Portugal e México. Romancista e roteirista premiado pela American Screenwriters Association.



Nostálgico! Essa era a palavra que tinha em minha cabeça quando terminei de ler Cemitérios De Dragões, as claras referencias aos tokusatsus (esquadrão de guerreiros no Japão) que fizeram parte da minha infância misturado as cenas de ação.

Cemitérios De Dragões conta a historia de Derek um soldado do exercito americano, Ashanti uma guerreira de Ruanda, Romain um duble francês, Daniel descendente de japonês nascido no brasil e Amber uma garçonete, que foram trazidos de formas diferentes a um mundo totalmente fora da realidade que viviam, aonde mais tarde ganham poderes de uma tecnologia diferente e se veem lutando contra bruxas-demonios e dragões zumbis na esperança de encontrar o caminho de volta a sua verdadeira realidade.

Ao longo dos capítulos você percebe como os personagens evoluíram e adquiram personalidades mais fortes que nos ajudam a entender como tais características são necessárias para o andamento da historia. Vale ressaltar que Derek mostra que será um bom lide no decorrer do livro, mas Ashanti é quem rouba a cena em determinados capítulos, nascida em território africano, Ashanti conheceu de perto a guerra e o sofrimento e se mostra forte desde o começo de sua jornada, tem ótimas reflexões sobre o que acontece em sua volta, mesmo se mostrando uma forte guerreira Ashanti ainda tem um ar de frágil por dentro.



As cenas das "Metamorfoses" são super empolgantes, ao contrario da refendia usada, aonde as armaduras eram de uma determinada cor, em cemitérios as armaduras são negras com detalhes em cor e um irado capacete com visor da mesma cor dos detalhes, sem falar nas armas que são projetadas do braceletes.

Confira nossa resenha do segundo livro: Cidades De Dragões

Me interessou muito os assuntos abordados por Raphael, como o de depositar o seu futuro ou sua fé em um ser que talvez não seja capas de próprio se salvar, da batalha diária dos escravos tanto dentro das minas dos dracônicos ou contra outros prisioneiros para se manter vivo ou trabalhar a confiança em si mesmo.



Cemitérios De Dragões e uma ótima leitura e garanto que prende sua atenção ate o fim, você mergulha no mundo criado pelo autor e fica sempre em alerta por conta cenas de ação. Já estou ansioso para a continuação com "Cidades de Dragões" que sera lançada na Bienal do Rio neste ano.

 Leia o Primeiro Capitulo

Skoob: 4,2 Estrelas

Recomendado Para Você

0 comentários

Comente com o Facebook

Instagram