TAG: Carnaval dos Livros

fevereiro 11, 2016 / Redação SOODA /



"Na tela da TV no meio desse povo, a gente vai se ver na (...) na tela da Tv no meio desse povo, a gente vai ser ver na (...)"

Olá Soodinhas, hoje vamos responder a TAG "Carnaval do Livros" criada pela Thaís do Blog/Canal Pronome Interrogativo (Clique Aqui para conhecer a TAG) onde vamos misturar dois amores de nossas vidas; Carnaval e livros. Na nossa Tag, não terá "briga por causa de confusão", como o Carnaval de São Paulo, e será cheia de amores, como a campeã do carnaval do Rio 2016, Estação Primeira de Mangueira, minha escola de coração.


Para quem não sabe, essa TAG consiste basicamente em responder algumas perguntas, fazendo analogia a alguns quesitos para escolher as melhores escolas de samba, como Samba-enredo, Mestre-sala e Porta-bandeira, Harmonia e por aí vai. Então sem mais delongas, vamos começar?

SAMBA - ENREDO: Todo mundo sabe que Samba-Enredo é o coração de uma Escola de Samba. É ele que embala a escola e a leva para avenida. Sem ele; não existiria samba, não existira escola de Samba. E nos livros? qual aquele livro que de enredo perfeito, com uma história que te leva a uma experiência vitoriosa, quem sabe eterna. que dificilmente você irá esquecer? (Dífícil, né!)

Livro:Os Miseráveis
Autor: Victor Hugo
Editora: FTD
Observação: Indisponível para venda
Com certeza eu não poderia colocar como melhor "Livro-Enredo" da minha vida, outro livro, senão aquele que me iniciou na minha vida literária, que antes dele era assim:

"12 Anos, vida chata, sem nada pra fazer e ainda por cima a professora manda a gente ler, e declamar os miseráveis. Pensei que Francês era uma língua divertida, mas não é"

Dias Depois:

"Égua, que firme, essa história é muito legal, vamos, vamos temos que declamar essa história. Obaaaaa, vai ter filme hoje. Professora, tirei 10,0, nem acredito. A sra. disse que era pra ler só um capítulo, mas li todinho (Outros alunos pensando: Mas que CDF, FDP)." 

Enfim, é claro que essa não é a versão completa (de mais de 1000 páginas), mas para um aluno de 12 anos é muita coisa. Isso me tocou, me arrebatou para o mundo da leitura (apesar de um pouco devagar, melhorando recentemente) e até hoje, tudo referente a essa história me toca. Não tinha como ser diferente.



MESTRE-SALA e PORTA-BANDEIRA: O Casal de Mestre e Sala, carrega o estandarte com a bandeira na escola, eles são um símbolo (com um quesito só deles), eles precisam demonstrar, garra, empatia e com certeza, amor pela escola. Por falar nisso, amor é o que não falta em nossos livros. E qual será aquele casal, que você ta sempre junto, que te inspira, que te leva a ter sonhos de encontrar alguém assim, na vida real. Qual o casal arrebatador da sua vida?

Livro: Toda Sua
Autora: Silvia Day
Editora: Paralela
Na época que começou a surgir um burburinho por causa do livro 50 Tons de Cinza, eu imagina: "Será que é tudo isso mesmo. Vale a pena?". Então uma amiga começou a me contar a história dele, eu gostei, mas achava que faltava alguma coisa, algum "Tcham". Aí pensei: "Quer saber, vou procurar outra coisa." E lá eu fui, até que achei a Trilogia Crossfire da Eva e Gildeon. Quando eu vi: "Ambientada em Nova York", me conquistou logo de cara. Então peguei. Li, sofri com o casal, torci, fiquei do lado da Eva quando Gildeon fazia cagada. Fiquei do lado do Gildeon quando a Eva mandava ele pastar (torcendo para que ele me chamasse para dar uma volta, mas não rolou, ele prefere mulher... hehehe). Enfim, o que achei legal dessa história é que eles são um casal normal (apesar dele rico e ela pobre) e que vão se descobrindo aos poucos e superando o seu trauma juntos, tem como não amar esse casal. Por falar nisso, o livro deixou de ser Trilogia e passou uma série que terá o seu último livro publicado no Brasil, agora em Março de 2016.

HARMONIA: Nesse quesito os jurados veem o conjunto da obra. Tudo deve estar funcionando, no seu devido lugar. E no livro, se tudo está funcionando, a obra te arrebata do inicio ao fim é difícil não favorita-la na sua vida. E qual livro é simplesmente perfeito do inicio até o fim.

Livro: Perdido em Marte
Autor: Andy Weir
Editora: Arqueiro
Essa foi uma das minhas leituras da (Maratona Literária de Carnaval) #MLCarvaval 2016. E com certezas essa obra foi perfeita. O autor soube usar tensão, ficção científica e bom humor na medida. Mark, o protagonista da história que vive em Marte é muito engraçado, faz piadas da situação em que está vivendo, é aquele seu típico amigo piadista (claro, consideravelmente inteligente, visto que ele tem uma profissão que exige esses atributos). A tensão do livro é na medida, pois tudo gira em favor de matar Mark (o Planeta Marte é um verdadeiro serial killer, hehehe). Além disso, existem os atributos de ficção científica que em muitos momentos funcionam como artifícios de divulgação científica, por serem reais, possíveis e estão sendo explicados de maneira bem simples, o que torna esse livro apaixonante.

COMISSÃO DE FRENTE: A comissão de frente é onde a escola diz para a gente, a que veio. Com certeza ela é um grande termômetro para mostrar se aquele desfile vai funcionar perfeitamente. E hoje em dia, as comissões estão cada vez mais elaborada, com shows de mágica, dança, acrobacia, e o que a sua criatividade imaginar. E nos livros existe um ditado "Não julgue um livro pela capa". Mas é difícil viu. Afinal, no meio de milhares de outros títulos, dificilmente um livro com capa feia chamará tanta atenção que deveria. Além do mais, em muitos casos, a capa é uma extensão da história do livro. E para você? que capa, traduz tanto a história de um livro?

Livro/HQ: Louco - Fuga
Autor: Rogério Coelho
Editora: Panini Comics / Mauricio de Souza
É impossível você olhar para essa capa e não ficar apreciando-a por horas, tentando decifrar seu significado, e claro é quase impossível resisti-la e não comprar essa HQ. Essa capa traz um simbolismo muito grande, tal como a história, utilizando-se da linguagem Verbal e não-verbal perfeitamente, sendo um complemento a essa beleza e ao significado da obra. E claro, com a leitura não seria diferente. As linhas entre liberdade e prisão, loucura e sanidade são tênues que ás vezes é muito difícil discerni-las, alias, em muitos casos nem vale a pena tentar diferencia-las, separa-las, elas vivem juntas.

BATERIA: A bateria faz o ritmo da escola, determina a velocidade e alegria. Se o samba-enredo são as artérias. A Bateria é o coração que bombeia o sangue da felicidade para todos os brincantes e participantes do Carnaval. Falando em coração, qual livro fez seu coração bater, pulsar, viver intensamente?

Livro: Fúria Vermelha
Autor: Pierce Brown
Editora: Globo Livros/ Globo ALT
Observação: Resenha Aqui
Ô Pierce Brown, Ô Pierce Brown, porque você faz isso com a gente? se meu coração sobreviver aos seus livros, então com certeza de ataque cardíaco eu não morrerei (ou sim, sei lá). Fúria Vermelha é aquele livro que vai te conquistando e te enfiando uma faca espada. Ele possui muitas mortes durante a trajetória de vingança de Darrow. Você não pode se afeiçoar a nenhum personagem, porque ele pode ser a próxima vítima. E não é só isso, o enredo te leva a exercitar o teu coração que não para de bater, você sofre, fica nervoso, torce, e assim, fica nesse ciclo, até o final da obra. Apaixonante, viciante, mas não tem coração que segure.



RAINHA DE BATERIA: Apesar de não ser um quesito, mas a Rainha de Bateria é essencial. Ela está a frente do coração da escola, uma espécie de Artéria Aorta (acho que falei certo) da bateria. Ela não é só a beleza a frente da bateria é uma líder, precisa levar os componentes para o doce caminho da vitória. E nos livros, as mulheres também mandam, e mandam muito, sambam na cara da sociedade, mostram que podem ser ótimas escritoras e que não somente os homens são capazes de fazer boas histórias, mas elas também. E por falar nisso, qual autora você acha que samba na cara da sociedade? mostra que pode-se fazer muito mais que uma história, clássicos?

J.K. ROWLLING: Vocês devem se perguntar, mas existe tanta gente, porque ela? e eu respondo, porque não? J. K. Rowlling é o maior exemplo do empoderamento das mulheres na literatura dos dias atuais, é a autora que mais vendeu livros na história em tão pouco tempo. É um exemplo de superação. Apesar de ela não ter sofrido a violência doméstica física, mas sofreu psicologicamente sim ! E mesmo assim, conseguiu desenvolver o seu trabalho. Seus livros, são bem escritos, Harry Potter por exemplo, é uma fantasia maravilhosa, que encanta jovens e adultos e que provavelmente irá durar gerações. Enfim, ela é Rainha de Bateria do "Carnaval do Livros", daqui do blog.


É isso Soodinhas, espero que tenham gostado. Em breve, responderemos mais TAG´s. E no mais, se quiserem usar a TAG em seu blog, não se esqueçam de mencionar o Pronome Interrogativo e a gente. Quem quiser responder a TAG, aqui nos comentários. Sinta-se à vontade. Até mais.

Recomendado Para Você

0 comentários

Comente com o Facebook

Instagram