Resenha: Circo Mecânico Tresaulti - Genevieve Valentine

março 24, 2016 / Redação SOODA /


Respeitável público, sejam Bem Vindo ao Circo Mecânico Tresaulti !!!


O Circo Mecânico Tresaulti (Mechanique: A Tale of the Circus Tresaulti)
Autora: Genevieve Valentine
Editora: DarkSide® Books
Ano: 2016
05 Estrelas

Respeitável público, sejam bem vindos ao incrível Circo Mêcanico Tresaulti, o lugar para quem acredita no mundo mágico que nos rodeia. Permita-me conduzi-lo por uma viagem única através da luz e das sombras onde descobriremos juntos uma nova forma de ver tudo e a todos. Onde não existe limite entre o picadeiro e a plateia, onde tudo é real e o único limite é a nossa vontade de sonhar.” Em pleno cenário pós-apocalíptico, “O Circo Mecânico Tresaulti” ergue sua lona e dá início ao grande espetáculo. Ambientado sobre a perigosa superfície de um mundo devastado, cheio de bombas e radiação remanescentes de uma guerra pela qual todos já saíram derrotados, este belo romance nos apresenta uma caravana circense em eterna viagem através de muitas cidades sem país, região ou rota definida. Lugares que podem não mais existir quando o circo retornar. Aqueles que se juntam ao circo procuram segurança, trabalho sem risco de vida ou apenas uma nova forma de recomeçar. E seguir adiante, apesar de tudo. Através de imagens surpreendentes, a autora nos conduz por um realismo mágico com um toque da beleza steampunk, uma combinação inusitada que cria a atmosfera perfeita para personagens comoventes e de grande força poética. Fãs tanto de clássicos como Melville (Moby Dick), Frank L. Baum (O Mágico de Oz) e das fábulas dos irmãos Grimm quanto de autores contemporâneos como Kelly Link, Erin Morgenstern, Kami Garcia e Margaret Stoh vão se apaixonar pela prosa cheia de mistério da jovem e talentosa escritora Genevieve Valentine, que com este seu primeiro romance foi indicada ao Prêmio Nebula, um dos mais importantes dedicados à literatura fantástica. Aprecie esse peculiar espetáculo!

Autora: Genevieve Valentine é americana, e o Circo Mecânico Tresaulti foi a sua primeira obra, lançada em 2012 nos Estados Unidos e 2013 no Brasil. Após isso, a carreira da autora deslanchou com outras obras de sucesso, e hoje ela também escreve quadrinhos, trabalhando com a DC Comics no quadrinho da Mulher Gato e em 2016 tem lançamento escrito por ela de Xena: A Princesa Guerreira.



Resenha: A nossa sociedade brasileira se encontra num grande período de desesperança instalada no Brasil inteiro, iniciada por uma crise de corrupção que parece nunca ter fim (você deve ta se perguntando por que comecei por isso). Enfim, parece que para encontrarmos esperança em nossos corações, temos que recorrer muito por nossas almas, afinal parece que estamos instalado em uma guerra civil (não que estejamos de fato, ah... Entre no clima vai!!) e que não há nada mais a ser feito para sair desse buraco do desespero humano (cômico, se não fosse trágico). Mas e se encontrássemos um pinguinho de esperança que pudesse nos tirar dessa lama, nos agarraríamos? levantaríamos? teríamos força para continuar? E esse é o Circo Mecânico Tresaulti, uma agulha de esperança numa manta de desespero.

O Circo Mecânico Tresaulti é um lugar peculiar, onde as pessoas são capazes de fazer coisas inimagináveis, provocando sorrisos em um lugar sem esperanças. A história se passa em um futuro distópico, onde nós somos "governado" por um governo, em todo o mundo (o circo não estabelece bem um espaço, mas acreditamos que seja assim). Enfim, e devido essa centralização, a sociedade toda vive em constante estado de guerras que pipocam até não querer mais, afinal esse governo não consegue controlar exatamente tudo e todos. As cidades vivem nesse estado de insegurança eterna e nesse contexto, o que parece ser o único momento de felicidade é a presença do Circo Mecânico Tresaulti.

Esse circo é formado por pessoas diferentes e interessantes, elas possuem o seu corpo modificado, onde são colocados articulações mecânicas, cobre e outros elementos metálicos, adaptando-os as atividades que eles irão desenvolver permitindo que eles façam as suas acrobacias circenses de maneira perfeita, possibilitando que as pessoas fiquem fascinadas com tudo isso. As pessoas que trabalham no circo passaram por diversas situações (que são contadas ao longo do livro), mas que foram simplesmente apagadas, e agora eles podem desfrutar do trabalho circense. Ah, detalhe. São proibidas armas no interior do circo.



O Circo Mecânico Tresaulti é chefiado por "Boss", uma mulher forte que descobriu nas artes circenses poderes que podem transformar os outros artistas. Sim, ela é responsável pelas mudanças físicas (e quiça psicológicas) dos personagens dessa imensa obra de arte. O belo dessa personagem é que ela consegue liderar, ensinar, aconselhar, trabalhar em prol das pessoas que trabalham nesse local, ela acaba se tornando uma espécie de mãezona do circo, e pra mim se tornou uma das melhores personagens da vida (sério mesmo!!).

Porém, algo de inesperado acontece e o homem do governo (uma espécie de Primeiro-ministro) acaba sequestrando-a, afinal quem não quer descobrir os seus segredos (nessa hora ja não tenho unha da mãos, pés, mãos do namorado, papagaio, cachorro... Minha curiosidade já me consumiu). E o circo com seus personagens começam a se desestabilizar, aí entra o momento de ações e decisões para ter a sua chefe de novo, então os medos e fantasmas de cada personagem, aparece, então eis que chega o momento. O Circo Mecânico Tresaulti, vai acabar?

Gente, que história é essa?? tão atual e reflexiva para o momento histórico vivido no Brasil hoje. A Darkside Books acertou em cheio em relançar essa obra, que é muito válido para o contexto atual. A autora soube conversar sobre politica conosco, sobre como os governos querem estabelecer poder sobre a sociedade. É uma obra de entretenimento recheada de discursos que contribuem para o nosso senso critico.



A figura do circo nesse processo é uma personificação da nossa esperança perante aos males que nosso mundo tem se tornado. Engraçado que o Circo, na política tem sido visto apenas como uma alegoria para entreter as pessoas, enquanto o governo nos destrói, nos consome. E aqui essa figura é vista como a única esperança entre nossos corações e por ele ser peculiar, existem pessoas que o veem como algo, não a se destruir, mas se aproveitar. O homem do governo quer esses poderes para assim controlar a sociedade e finalmente estabelecer o seu poder supremo sobre todos, justificando-se por um bem comum (porque sempre isso??).

Outro ponto interessante colocado pela autora é o limite que sempre precisa ser estabelecido, e vejo muito isso quando ela coloca o personagem de Alec, que possui asas, mas o que seria a maior atração do circo, na verdade, pode ser uma grande tragédia, afinal ele teria algo, que ninguém possuía ali, e que fascinava a todos, então, estaria Alec preparado para esse fardo?



E o que dizer da escrita dessa autora gente? É muito interessante como ela mescla os capítulos, perpassando pelo narrador em primeira pessoa, usando um personagem que não seria tão "fundamental" na história (vide as aspas), por não possuir nenhuma habilidade transcendental, mas que se torna peça chave em alguns momentos (vale ressaltar que o protagonista na história é o circo). Quando esse personagem não consegue dar conta da história ela insere a narrativa em terceira pessoa (leva tempo para se acostumar, mas depois disso, você desliza pelos capítulos). E por fim, em alguns momentos especiais da história o enredo é narrado em segunda pessoa, como se você fosse o personagem da história, você estivesse praticando as ações, você passa a fazer parte do Circo Mecânico Tresaulti e confesso para vocês, me senti horado de ser parte desses momentos.

Essa nova edição da Darkside Books é fenomenal gente, fiquei apaixonado por ela, fizemos um "unboxing" dias atras (confira aqui) Onde mostramos detalhes da edição relançada nesse ano de 2016, em capa dura, com um designer gráfico maravilhoso, com ilustrações de Wesley Rodrigues que complementam a história, te dão uma dimensão, minimizando o abstracionismo da escrita da autora, tornando-o em detalhes físicos, aquilo que a autora se propôs a escrever. (Vale dizer, que essa edição tem um prefacio da autora, falando de nossa edição brasileira).



Então é isso Soodinhas. O Circo Mecânico Tresaulti "é um passeio pela agulha de esperança que espetará os olhos negros do desespero", quem sabe depois dessa leitura você não consiga imaginar que o Brasil tem solução e que ela começará por você.

Skoob:4,1 Estrelas
Goodreads: 3,83 Estrelas

E não se esqueçam, dia 27/03 tem Darklove Day, onde vamos mostrar esse e mais alguns lançamentos do selo darklove da Editora Darkside Books. Até lá Soodinhas.


Recomendado Para Você

2 comentários

Comente com o Facebook

Instagram