Resenha: As Primeiras Quinze Vidas de Harry August - Claire North

março 08, 2017 / Francisco Soares Chagas Neto /

Esse livro traz um protagonista que morre e renasce sempre no mesmo dia sem nunca esquecer o que passou no seu passado, ou o que irá ocorrer, no seu futuro




Imagine a seguinte circunstância, você nasce, cresce, vivencia muitas experiências, envelhece e morre. Até aí tudo certo né?

Então, de repente você brota no mundo, se desenvolve, experiencia novas questões, chega a terceira idade, e então sua vida se finda. Oi? Não desista desse texto, vamos chegar a algum lugar... continuemos

E agora você encarna, amadurece, experimenta novas ou antigas situações, chega a melhor idade, então finalmente bate as botas? Ok, você deve imaginar que estou de sacanagem com você... Talvez...

Porém, essa é a vida de um Kalachakra, como Harry August. Ele nasce, tem uma vida e morre, então ele reencarna, exatamente no dia em que nasceu na primeira vida, tem uma nova vida, até que ela se finda, e assim sucessivamente, vivendo em uma vida circular. A questão é que existe um pequeno detalhe: Diferentemente das pessoas que estão em suas vidas, eles não esquecem de nenhuma delas, são capazes de lembrar tudo o que fizeram, tudo o que aconteceu, são "imortais" imersos nesse loop. Ou seja, são capazes de saber o futuro antes de ele acontecer, porque já o vivenciaram em suas vidas passadas. Louco. não?

“ (...) a lembrança permanece em mim como um vírus enroscado na parede do meu estômago." p. 13

Através desse livro, Harry August conta a sua vida para nós leitores, suas vivências, os fatos históricos que testemunhou diversas vezes. Conta, suas aflições nas primeiras vidas, quando descobriu que não poderia morrer. O processo de exploração, quando ele utilizou suas diversas vidas para conhecer o mundo, pessoas, e assim vivendo cada momento de maneira diferente. E por fim, a aceitação do que lhe ocorria, afinal de contas, nada lhe cabia fazer para mudar isso. Até que em sua 11º vida, quando uma garotinha de sete anos (uma Kalachakra de um tempo futuro) deixa o recado que o fim do mundo está próximo e agora é com ele. Então, Harry August precisara resolver esse problema, para que o fim nunca chegasse, nem a ele, nem a ninguém.



CLUBE CRONUS

Ao longo da história, Harry August percebe que não está sozinho, existe outros como ele nesse mundo e assim descobre o Clube Cronus.

Sendo uma espécie de sociedade secreta, o clube serve para várias funções, entre elas reunir os Kalachakras, para que eles possam compartilhar experiências entre si, de modos que suas vidas sejam melhor aproveitas, compreendidas. Neles, é possível também se comunicar com o passado e futuro (não o cíclico, mas o linear), tendo em vista que ao longo dos séculos a frente e atras também existem outras pessoas que possuem essas vidas cíclicas e não seria possível conhece-las se fosse o clube.

Porém, talvez a função mais importante do clube, seja manter a linearidade do tempo. Ou seja, manter os acontecimentos históricos exatamente no seu espaço e tempo. Isso porque os Kalachakras vivem vidas diferentes, uma existências podem ser médicos, outras criminosos e assim sucessivamente. Porém, a sua existência, não poderia influenciar sobre acontecer o não, o Nazismo, ou a Segunda Guerra Mundial. Esses fatos históricos não devem ser mudados, para que o mundo não se acabe.



ENTRE FATOS HISTÓRICOS E OUTRAS DISCUSSÕES

Não preciso me alongar sobre a questão do tema parecer se complexo. Sim, porém a autora Claire North facilita muito para nós leitores. Sua escrita, apesar de parecer rebuscada em alguns momentos, porém acaba nos levando facilmente para o entendimento das questões, mesmo com um tema tão abstrato como a questão do tempo. Com certeza é foi mais difícil para ela escrever a história do que para a gente ler e nos encantar com o seu livro.

Para completar, a cereja do bolo está nos vários fatos históricos mencionados no livro, em diversas partes do mundo. Como o Socialismo na Rússia, a corrida armamentista nos Estados Unidos, reflexos da segunda guerra mundial na Europa. Enfim, é impressionante e encantador a preocupação que a autora teve em pontuar esses variados temas em sua criação. Na minha opinião, esse livro está mais próximo da literatura moderna e contemporânea, do que a chamada literatura de entretenimento.

Com certeza, Claire North é um nome que quando eu ver nas livrarias, eu não exitarei em comprar. Espero que mais livros dela cheguem por aqui. Na verdade, em breve Touch sairá pela Darkside Books. Já estava bem ansioso, após ler esse livro, minhas expectativas para esse próximo lançamento, aumentaram consideravelmente.



As Primeiras Quinze Vidas de Harry August (The First Fifteen Lives of Harry August)
Autora: Claire North
Editora: Betrand Brasil (Grupo Editorial Record)
Ano: 2017
Skoob: 4,5 Estrelas / Goodreads: 4,04 Estrelas
Compre Aqui
05 Estrelas
Certas histórias não podem ser contadas em uma única vida. Harry está no leito de morte. Outra vez. Não importa o que faça ou que decisões tome: toda vez que ele morre, volta para onde começou; uma criança com a memória de todo o conhecimento de uma vida vivida diversas vezes. Nada nunca muda... até agora. Ele está perto da décima primeira morte quando uma garotinha de 7 anos se aproxima da cama: “Quase perdi você, doutor August. Eu preciso enviar uma mensagem de volta no tempo. O mundo está acabando, como sempre. Mas o fim está chegando cada vez mais rápido. Então, agora é com você.” Este livro conta a história do que Harry faz em seguida, do que fez antes, e do que faz para tentar salvar um passado inalterável e mudar um futuro inaceitável.
Autora: Claire North e Kate Griffin são pseudônimos da jovem autora Catherine Webb, finalista e vencedora de vários prêmios literários, os temas de seus livros são os mais abstratos possíveis, como o tempo cíclico na obra, "As Primeiras Quinze Vidas de Harry August", ou a capacidade de seres humanos parasitarem outros corpos, como Touch que será lançado em breve pela Darkside Books, entre outras.

Recomendado Para Você

0 comentários

Comente com o Facebook

Instagram