Resenha: O Assassino do Zodíaco - Sam Wilson

agosto 10, 2018 / Rafael Lutty /

“Diga-me teu signo e te direi quem és. Ou te direi se vais ficar vivo... ou morto”




Aquariano com ascendente em gêmeos, elemento ar. Sim, vou começar esta resenha com minhas informações astrológicas, pois essas são as informações principais para que o indivíduo entenda seu lugar na sociedade construída por Sam Wilson em “O assassino do Zodíaco”. Nesta história – que é um romance policial distópico – a sociedade é divida pelos signos do Zodíaco, cada uma em sua comunidade, e cada uma com um papel definido para o desenvolvimento social. As características que costumamos ler a respeito dos signos, são elevadas a um status literal nesta história.

Embora o Zodíaco conte com doze signos, a maioria deles é secundária ou praticamente não é desenvolvida na história. Os mais citados são os Capricornianos que representam a classe alta da sociedade, detentores do poder, ricos e socialmente influentes; e os Arianos, que representam a classe baixa da sociedade, pobres, habitantes de regiões periféricas e a maioria nos índices de criminalidade. Os pais controlam as datas para que seus filhos nasçam sob a regência de seus mesmos signos. Deste modo, os capricornianos por exemplo, garantem a concentração do poder para os de sua linhagem, e evitam que os arianos ascendam socialmente.

Quando assassinatos brutais começam a acontecer em San Celeste – cidade onde a história se passa – o detetive Jerome Burton, taurino, encarrega-se de investigar os casos e conta com ajuda da aquariana Lindi Childs, uma astróloga forense. Na história criada por Sam Wilson, os astrólogos são os psicólogos, analisando os mapas astrais dos indivíduos afim de auxiliar na maneira como devem agir. Bem como fazendo previsões e leituras de horários.

O que mais impressiona neste livro, é a facilidade com que o autor consegue refletir a corrupção, o preconceito e a alienação presentes em nossa própria sociedade, através da ficção. Embora a maioria dos signos sejam pouco explorados na história, Sam Wilson nos apresenta detalhes que nos ambientam na história, como a maioria dos policiais serem taurinos ou o índice de autismo ser maior entre os virginianos, por exemplo. Como em toda sociedade, aqui temos os estereótipos de cada grupo social muito bem definido. Você desviaria de um ariano na rua, pois eles são a maioria dos ladrões e pessoas violentas, mas confiaria em um canceriano.



Estes estereótipos ficam claros nesse trecho da fala do apresentador de um programa destinado a reforçar o preconceito e a injustiça quanto aos signos menos favorecidos:

Essas leis se baseiam na ideia fantasiosa de que devemos tratas pessoas de signos diferentes da mesma maneira. Mas isso é impossível. Por quê? Porque elas não são iguais. Pessoas de signos diferentes se comportam de modo diferente. Leoninos e Geminianos são mais extrovertidos. Pessoas de Aquário e Sagitário não assistem ao meu programa, podem ter certeza disso. E Arianos tendem mais para a violência. Não posso dormir tranquilo à noite pensando que a polícia talvez ignore esse fato e deixem os principais suspeitos irem para casa apenas porque alguns idiotas acham que Arianos vêm sendo tratados com injustiça.

Mais do que a caminhada para um clímax ao final, o livro destaca-se principalmente por não dificultar a imersão nesta sociedade, justamente por ser tão próxima da nossa. Com 463 páginas, o livro está dividido em noventa capítulos curtos, o que torna a velocidade da leitura bem alta. Se editado com um espaçamento menor e eliminasse a quantidade de páginas brancas ao final dos capítulos, o livro poderia ser reduzido praticamente à metade da quantidade de páginas que possui.

Citando pontos negativos, eu destacaria a passagem de tempo entre alguns eventos. Em determinado momento, temos a passagens de alguns anos na história e isso foi, definitivamente, feito de forma confusa, de modo que é difícil para o leitor acompanhar a cronologia dos acontecimentos, principalmente porque a história possui tramas paralelas que não sofrem essa passagem de tempo. Outro ponto negativo seria justamente a falta de desenvolvimento dos outros signos, já que no início do livro temos uma lista dos signos e suas principais características e funções na sociedade, sendo que na história algumas dessas informações são simplesmente desnecessárias já que não a vemos aplicadas à trama.

Os eventos finais do livro não me cativaram tanto quanto o restante da leitura, a conclusão de algumas situações pareceu atrapalhada e pouco convincente. No mais, eu gostei muito do livro. Acredito que os mais inteirados em assuntos astrológicos terão uma experiência ainda mais interessante com a leitura. Com uma edição muito bonita e uma capa que desperta interesse de imediato aos amantes do gênero, acredito que “O Assassino do Zodíaco” pode figurar na lista das boas indicações sem muito esforço.


Gostaram? que tal aproveitar pra conseguir uma edição com um preço especial? É só clicar na imagem acima e adquirir o seu exemplar!!!
O Assassino do Zodíaco (Zodiac)
Autor: Sam Wilson
Editora: Jangada
Ano: 2018
Skoob: 3.8 Estrelas / Goodreads: 3.3 Estrelas
Compre Aqui: Amazon, Saraiva
04 Estrelas
Numa sociedade corrupta e violenta, dividida pelos signos do Zodíaco, as desigualdades entre as pessoas vêm do berço e continuam por toda a vida. Assassinatos passam a ocorrer com brutalidade incomum, e as vítimas parecem não ter nada em comum. Seriam esses crimes uma rebelião contra o sistema ou obra de um serial killer? Para encontrar uma resposta, o detetive Jerome Burton se junta à astróloga forense Lindi Childs. Juntos eles percorrem uma trajetória sombria para tentar desvendar uma história tenebrosa de traição, amores perdidos, promessas quebradas e uma verdade devastadora capaz de abalar o mundo em que vivem...
Autor: Sam Wilson nasceu em Londres e foi para o Zimbábue ainda criança, estabelecendo-se depois na África do Sul. Em 2011, foi considerado um dos “Duzentos Jovens Sul-Africanos de Maior Destaque” e hoje trabalha como diretor de TV na Cidade do Cabo. O Assassino do Zodíaco é seu primeiro romance.

Recomendado Para Você

0 comentários

Comente com o Facebook

Todas As Postagens

Resenha

Soodacast

Instagram